terça-feira, 28 de abril de 2009

Ação direta: Ativistas anarquistas afundam navio baleeiro norueguês

.

[A temporada de crueldade, caça e assassinato de baleias está para começar
na Noruega, cuja carne depois será oferecida a altos preços no mercado de
peixe de Tóquio, no Japão. Porém, ativistas afundaram mais um navio de uma
das maiores indústrias baleeiras do mundo, a norueguesa. Japão, Noruega e
Islândia, são os únicos países do mundo engajados na matança de baleias.
Desde 1992, este é o sexto navio baleeiro deste país a sofrer ações
diretas. A seguir o comunicado dos/as autore/as do ataque rebelde
divulgado pela internet.]

Comunicado:

Henningsvær, Noruega, 24 de abril de 2009.

Na noite de quinta-feira, 23 de abril, entramos às escondidas em um navio
baleeiro norueguês para realizar algumas reparações em sua preparação para
a temporada 2009 de caça as baleias nas ilhas de Lofoten, em Henningsvær.
Para atrasar a época de caça e matanças destes cetáceos e protestar contra
a exportação ilegal de carne de baleias para o Japão, desmontamos uma
válvula da embarcação e inundamos a casa de máquinas. Infelizmente os
bombeiros chegaram rapidamente, mas não o suficiente para impedir que o
navio acabasse cheio de água do mar. Os estragos já haviam sido causados.

Para as indústrias pesqueiras, os investidores em Tóquio e os investidores
da caça de baleias na Noruega, com seus trabalhos sujos só conseguirão
mais navios afundados. Como resultado direto de um crescente comércio
internacional de espécie ameaçadas de extinção, chegamos a Henningsvaer. E
viemos (vimos) afundar navios baleeiros.

Afundamos mais um bastardo!

A-21

.

Um comentário:

GEOGRAFIA NO VESTIBULAR disse...

Parabens pelo BLOG...
Gostei muito das postagens
um abraço